...

terça-feira, 8 de maio de 2007

Semana Mundial Pelo Parto Respeitado

A presente semana de 7 a 13 de Maio é a “Semana Mundial Pelo Parto Respeitado”.

Com a preciosa colaboração da congénere argentina “Dando a Luz”, a HumPar traduziu e lançou no seu site uma série de 5 vídeos/spots que podem ser vistos em:
Agradecíamos que reencaminhassem esta informação a todos os vossos contactos para que esta mensagem tenha o alcance que todos desejamos. Um pequeno gesto que fará toda a diferença!

No passado dia 02 de Maio passou um documentário sobre humanização do parto intitulado "Donas do Parto" da jornalista Rita Ferreira da TVI. Um documentário de muita qualidade que podem visualizar em :
Porque nascer faz parte de todos, mas em especial de cada um...

5 comentários:

Andrea disse...

É sempre muito dificil mudar o sistema, mas é obrigação de cada uma de nós, fazer valer os nossos direitos. Nem que seja só um bocadinho. A maioria das mulheres desconhece que existem recomendações da OMS a nivel do parto. Eu própria só soube que elas existiam quando engravidei da primeira vez e comecei a "beber" infomação na internet. Mas o conhecimento, a informação e exemplos de outras mulheres dão outra força para ir em frente com o que desejamos para nós e para o bébé que aí vem.

Vida Envolvida disse...

Bolas Cristina, conseguis-te por-me de lágrimas nos olhos... não sei se por emoção por ver os bebés nascer e pensar nos meus bebés ou se por revolta ao pensar que os meus bebés poderiam ter nascido sem ventosa e os cortes que tanto demoram a cicatrizar, que poderiam ter sido evitados!! E não vou falar nos quimicos e nos clister ...

Vou passar a informação com gosto e na esperança de muitas mais mulheres possam ser donas do parto!

Bjs Cristina

Susana P.

Amélia do Benjamim disse...

Big deal! Comenta o Rino, o papagaio para a Cosmo, a cadela, que de velha e desconfiada com tudo o que tem penas, olha para ele de soslaio, adivinhando que ele ia dizer, pela 300ª vez nesses 3 dias, a palavra ‘Ovos’. E lá disse a palavra. Ela inspira, olha para cima, revira os olhinhos pedindo clemência, e estremece. Nos 30 segundos seguintes, consegue mais um nirvana de paz, lembrando-se da sua dona… com uma orelha levantada para a porta da rua. - Deviam ter Ovos! Ovos!... ele, novamente… Que soda!



- Cá te espero!
diz-lhe ela, a certa altura, cruzando o dia do calendário pendurando no gordo frigorífico, coçando uma perna na outra e o fundo à barriga.

- Estás pronta?
pergunta ele/ela, orientando-se pelo tic-tac ali de cima, e vai batendo à porta, de mansinho, com a trouxa debaixo do braço.
A Lua manda e lá nascem os dois ao mesmo tempo (às vezes 3, 4. Para além do pai, como Pai).

Nascer é uma festa, por isso o celebremos, mês a mês, ano a ano.
Convidemos sempre quem nos ajudou!:

- É agora. Vais ter um parto bom. Talvez difícil, mas irreversível.
Vais conhecer já - já, o novo amor da tua vida.
Já combinamos e sabemos como vai ser, queres dizer-me mais alguma coisa?

- Fiat Lux!

ana disse...

Será que podias dar uma contribuição para o meu blog?
espreita http://babylove75.blogspot.com/
Acho que seria importante fazer uma referencia ao parto por cesariana.
felicidades
Ana

Mãmã Escaleira disse...

Olá Cristina sou eu novamente
Já publiquei nomeu blog o teu texto , espero que esteja como me pediste. Se não estiver diz ok?
Já agora há certas perguntas que eu gostava de te propor
Como poderia eu ter uma doula no meu parto? Como fazia?
Como contactava-vos?
E já agora o qué é necessário para se ser doula?
Gostaria de publicar isto também no meu blog
boa noite e beijinhos
Ana